VÍDEO: Homilia de Dom Helder Câmara por ocasião dos 50 anos de Sacerdócio de Monsenhor Expedito

Dentro da programação dos 22 anos de vida eterna do Profeta da Águas, publicamos um trecho da homilia de Dom Hélder Câmara durante a Missa em comemoração pelos 50 anos de Sacerdócio de Monsenhor Expedito, ocorrida em 1989, na Matriz de São Paulo Apóstolo, em São Paulo do Potengi.

Dom Hélder Câmara, um dos mais importantes bispos católicos da América Latina no Século XX, conhecido internacionalmente, era amigo pessoal de padre Expedito, tendo sido um dos incentivadores para que escrevesse seu livro “Pelos Caminhos do Potengi”.

Confira o vídeo abaixo:

https://www.instagram.com/blogsilverioalves/tv/CYzGCOnFZVF/?utm_medium=copy_link

Hoje completa 78 anos que Monsenhor Expedito chegou a São Paulo do Potengi

Hoje, três de dezembro, é uma data histórica para todos nós potengienses. Num dia como hoje, três de dezembro de l943 chegava a nossa cidade, o maior benfeitor de São Paulo do Potengi ao longo da história de nosso município. Falamos do nosso primeiro pároco, que aqui viveu por 56 anos, Monsenhor Expedito Sobral de Medeiros, o Profeta das Águas.

Com uma visão de futuro, desapegado totalmente das coisas materiais, sempre colocando em primeiro lugar o Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo e as orientações da Santa Madre Igreja Católica. Ao longo da sua vida missionária, seguindo os passos de Jesus, fazendo a sua opção preferencial pelos pobres, Monsenhor ajudou a construir (e muito) a cidade polo da ribeira potengiense e uma das principais cidades da terra de Poti mais bela.

No seu livro Pelos Caminhos do Potengi, é o próprio sacerdote que conta a sua chegada a terra que ele adotou como sua e que tanto amou:

” A paróquia de São Paulo do Potengi foi criada no dia 30 de novembro de l943. Fui nomeado seu primeiro vigário e, três dias depois, com meu pai e Manoel Henrique de Azevedo, representante do lugar, cheguei aqui na boleia do caminhão de Pedro Azevedo, de Barcelona. Fiquei hospedado durante alguns meses, na pensão de Neco França, pois na havia casa paroquial. No domingo, cinco de dezembro, na capela tornada matriz, na missa das 9 horas, tomei posse da paróquia perante uma verdadeira multidão de gente. Assinaram a ata comigo Manoel Henrique de Azevedo e Arnaldo Pereira do Lago”.

Viva Monsenhor Expedito.

Ministro Ricardo Lewandowski concede a Pazuello direito de ficar em silêncio na CPI da Covid

O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), concedeu habeas corpus nesta sexta-feira (14) ao ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello para que ele tenha o direito de ficar em silêncio na CPI da Covid sempre que entender que não precisa responder a perguntas dos senadores.

O pedido foi feito nesta quinta-feira (13) pela Advocacia-Geral da União (AGU). O órgão solicitou também que o ex-ministro da Saúde ficasse imune a algumas medidas, entre elas, a prisão. Nesta sexta-feira (14) o relator da CPI Renan Calheiros enviou um ofício ao STF em que disse que o trabalho da comissão ficaria prejudicado se o pedido da AGU fosse atendido.

Por lei, a AGU pode representar pessoas em atos cometidos por elas em razão de suas funções públicas. No caso da CPI, Pazuello foi convocado a prestar depoimento por atos cometidos no período em que chefiou o Ministério da Saúde.

Decisão

A decisão do ministro está alinhada com a jurisprudência do Supremo em relação ao direito ao silêncio em CPIs para evitar a produção de provas contra si.

Em casos semelhantes ao do ex-ministro, nos últimos 20 anos, o tribunal garantiu, em decisões colegiadas, a pelo menos 12 alvos de CPIs o mesmo direito – as decisões se referem a 10 CPIs distintas.

G1 – Foto: Erasmo Salomão/MS

No dia 14 de maio de 1999 chegava em São Paulo do Potengi, a água da Lagoa do Bonfim, através da Adutora Monsenhor Expedito

Hoje, 14 de maio, é uma data histórica para São Paulo do Potengi e para toda região. Hoje completa 22 anos da inauguração da Adutora Monsenhor Expedito, em nossa cidade.

Na tarde daquela data, uma verdadeira multidão, superlotou a então Praça da Matriz, para participar da missa em ação de graças, pela chegada da água de boa qualidade vinda da Lagoa do Bonfim, para saciar a sede dos potengienses. Uma realização dos Governos Federal e do RN.

Dentre outras autoridades presentes na celebração, estavam o governador do RN, Garibaldi Filho, o arcebispo de Natal Dom Heitor de Araújo Sales, o prefeito local José Azevedo e o grande líder da luta pela Adutora, Monsenhor Expedito Sobral de Medeiros. Monsenhor, que naquela ocasião presenciava a concretização de um sonho do qual dedicou ardorosamente, parte do final de sua vida aqui na terra para vê-lo realizado.

Todos nós, milhares de norteriograndenses, das regiões Agreste, Trairi e do Potengi, contemplados com o precioso líquido vindo da Lagoa do Bonfim, que diariamente corre nas torneiras de nossas casas, temos a obrigação fraterna cotidiana de dizer: obrigado Monsenhor Expedito.

Monsenhor Expedito, Apóstolo das Águas, que nos ensinou que quando a sociedade organizada quer, cobra e luta, unido-se com a classe política, o milagre do bem comum acontece.

Na foto acima, da esquerda para direita: ministro Aluísio Alves, governador Garibaldi filho, pastor José Ferreira da Assembleia de Deus de nossa cidade, prefeito Azevedo e Monsenhor Expedito, fazendo seu célebre discurso.

Hoje, 14 de maio, completa 22 anos da inauguração da Adutora Monsenhor Expedito, em São Paulo do Potengi

Hoje, 14 de maio, é um dia histórico para todos nós potengienses, pois há 22 anos, num dia como hoje, foi inaugurada a Adutora Monsenhor Expedito, em São Paulo do Potengi. Naquela data chegava a terra do Profeta das Águas, a água de boa qualidade vinda da Lagoa do Bonfim, para saciar a sede do povo potengiense.

Obrigado Monsenhor Expedito.

Teremos outras informações.

Vídeo: A Seca e a luta pelas adutoras

Neste vídeo da série Nos Passos do Profeta, Silvério Filho fala sobre seca, a luta pela água e um novo projeto do Blog Silvério Alves.

Confira o vídeo abaixo.

VÍDEO: Monsenhor Expedito e o “cheiro de fome”

Em mais um vídeo da série Nos passos do Profeta, Silvério Filho fala sobre secas, saques as feiras livres e o que Monsenhor Expedito chamava de “Cheiro de Fome”.

ERRATA: Onde foi dito “Mateus 6”, na verdade é “Mateus 9”.

Confira abaixo o vídeo.