O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) deu continuidade ao seu compromisso de fortalecer as políticas públicas relacionadas ao combate às drogas, por meio do programa Transformando Destinos. Na manhã desta segunda-feira (6), São Gonçalo do Amarante foi beneficiada com a entrega de quatro notebooks, em uma iniciativa que visa impulsionar a atuação dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) do município.

A entrega dos equipamentos eletrônicos foi conduzida pela coordenadora do Centro de Apoio Operacional às promotorias de Justiça de Cidadania (CAOP Cidadania), a promotora de Justiça Iveluska Lemos. “Especificamente em relação a São Gonçalo, o município recebeu quatro computadores, dois para o CAPS AD e dois para o CAPS II. Estamos bastante felizes com esse novo momento do Transformando Destinos, não só com a entrega desses computadores, como também com a chegada dos consultores no território que irão auxiliar na criação da política pública”, destacou a promotora.

Além da entrega dos equipamentos, foi retomada a realização das reuniões do Comitê Gestor Municipal, contando com a presença da consultora Leuça Teixeira, que atuará junto às cidades de São Gonçalo do Amarante e Currais Novos. “O Ministério Público do Rio Grande do Norte protagonizou no Brasil esse trabalho com a questão da política de drogas e vem trazendo essa estrutura para que os municípios, as governanças municipais, também possam estar junto da saúde, da educação, da assistência, do planejamento, do esporte, pensando nessa pauta que atinge hoje todo o país”, ressaltou a consultora Leuça Teixeira.

Na reunião do Comitê, estiveram presentes diversos representantes de órgãos municipais e parceiros, como a consultora do Governo Federal Maria Leusa Teixeira, a Secretária Municipal de Saúde Pública Renata Nascimento, o Chefe de Gabinete Abel Neto, a Coordenadora de Saúde Mental Geiza Cavalcante, entre outros.

A doação dos equipamentos foi possibilitada através de recursos de emenda parlamentar do Deputado Francisco do PT, demonstrando o engajamento de diversos setores na promoção de ações voltadas para o enfrentamento do problema das drogas. Por sua vez, a contratação dos consultores é fruto da parceria entre o MPRN e a Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas e Gestão de Ativos (SENAD) do Ministério da Justiça, evidenciando a importância da cooperação entre esferas governamentais para abordar essa questão complexa de forma abrangente e eficaz.

Categorias