Fábio Faria abre mão de candidatura ao Senado em favor de Rogério Marinho no RN

_Titulares de Comunicações e Desenvolvimento Regional estiveram com Bolsonaro na tarde desta terça-feira para comunicar a decisão_

O embate entre os ministros Fábio Faria (Comunicações) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) pela vaga ao Senado no Rio Grande do Norte está perto de acabar. Segundo apurou o Valor, Marinho deverá sair candidato pelo PL, partido de Bolsonaro. Um anúncio está programado para acontecer na tarde desta terçafeira, no Palácio do Planalto.

Faria e Marinho estiveram com o presidente Jair Bolsonaro na tarde de hoje para comunicar a decisão. Ambos têm no Rio Grande do Norte seus berços eleitorais e ambicionavam o cargo. Mas teriam chances reduzidas de vitória ao dividir o eleitorado bolsonarista em um Estado onde o PT é muito forte.

Faria e Marinho estiveram reunidos hoje com o presidente da Assembleia Legislativa, Ezequiel Ferreira (PSDB), em Brasília.

Segundo fontes, Ferreira deverá ser o candidato de ambos ao governo do Estado para tentar impedir a reeleição da petista Fátima Bezerra.

Também dentro do arranjo, estaria em negociação a candidatura do ex-governador Robinson Faria (PSD), pai de Fábio Faria, a deputado federal.

O ministro, por sua vez, permanecerá nas Comunicações e ajudará na coordenação de campanha de Bolsonaro à reeleição, juntamente com Ciro Nogueira (Casa Civil) e Flávio Bolsonaro, senador pelo PL e filho do presidente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.