Roberto Jefferson é preso pela PF, após determinação de Alexandre de Moraes

O presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson (RJ), foi preso hoje preventivamente pela Polícia Federal, após determinação do ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Alexandre de Moraes por suspeita de envolvimento com uma milícia digital que atua contra a democracia. A Polícia Federal cumpriu o mandado de busca e apreensão e de prisão na residência do político aliado ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Além da prisão preventiva, o ministro também determinou a busca e apreensão de armas e munições de propriedade de Roberto Jefferson “bem como de computadores, ‘tablets’, celulares e outros dispositivos eletrônicos”.

UOL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.