Equipe de Lula prioriza Auxílio Brasil e R$ 150 para crianças de até 6 anos

A equipe de transição do futuro governo Lula, liderada por Geraldo Alckmin, estuda meios de garantir ao menos algumas das promessas de campanha do presidente eleito.

Entre elas, dão especial atenção à manutenção do Auxílio Brasil no atual patamar de R$ 600. O valor atual do Auxílio Brasil é válido apenas até dezembro. O projeto de Orçamento de 2023 prevê um benefício médio de R$ 405. Ampliação, para R$ 600, custaria R$ 52 bilhões adicionais, segundo cálculos da equipe econômica.

Ainda, Lula prometeu um pagamento adicional de R$ 150 por criança de até seis anos para famílias contempladas pelo Auxílio Brasil, que voltaria a se chamar Bolsa Família. O custo da medida é estimado pelo Instituto Nacional de Orçamento Público (Inop) em R$ 18 bilhões anuais.

Outras ações, como retomada dos investimentos e recomposição salarial dos servidores públicos poderão ser preteridas.

Deu no @blogdogirotto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *