Silvério Alves

Silvério Alves

Após violar túmulo e tentar roubar caixão com corpo de idosa em Natal, trio paga fiança e é liberado da prisão

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Os três homens que foram presos em flagrante no último sábado (8) após violar um túmulo e tentar roubar um caixão com o corpo de uma mulher idosa no cemitério do Bom Pastor II, no bairro Bom Pastor, Zona Oeste de Natal, vão responder ao crime em liberdade.

Durante o fim de semana, o trio pagou a fiança estabelecida pela Polícia Civil, de R$ 400 para cada um, e foi liberado.

O caso inicialmente foi apurado pela Central de Flagrantes da Polícia Civil, mas será encaminhado para o 7º Distrito da Polícia Civil em Natal, que ficará responsável pela investigação e, entre outras respostas, deverá apontar a motivação para o crime.

O caso aconteceu no início da tarde de sábado (8) e foi flagrado pela Polícia Militar. De acordo com os militares do 9º Batalhão da PM, os suspeitos foram vistos pulando o muro do cemitério por volta das 12h. Ao deter os suspeitos, os policiais encontraram o caixão fora do túmulo e já perto do muro.

Segundo a família da idosa, que foi chamada ao cemitério e reconheceu o corpo como sendo de Maria Antônia de Souza, 94 anos, os homens teriam afirmado que iriam fazer um ritual.

“Ficamos em pânico. A família está abalada com isso tudo. A gente nunca viu algo assim acontecer, ainda mais porque a gente soube que ela seria levada para um ritual de magia negra. A gente fica bastante abalado. Particularmente, eu não acredito”, disse o neto da idosa, Francinaldo Lacerda, ainda no sábado (8).

Segundo policiais militares que atenderam a ocorrência, um dos homens presos, que seria o dono dos veículos, afirmou que a mulher fez mal a ele no passado e, para “quebrar a maldição”, precisava levar o corpo e enterrá-la de cabeça pra baixo na beira da praia.

Sepultamento

A mulher morreu no dia 5 de janeiro em Campo Sales, no interior do Ceará, vítima de pneumonia e parada cardíaca.

Segundo a família, ele foi trazida para Natal e sepultada ao lado do corpo do marido na última quinta-feira (6), conforme havia pedido ainda em vida.

Após o crime, o corpo foi novamente sepultado, na presença da família, ainda na tarde de sábado (8).

g1 RN

Categorias