Admin

Admin

Hotéis terão ocupação de 65% com proibição dos eventos de carnaval no RN

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

O setor turístico do Rio Grande do Norte espera uma ocupação média de 65% nos hotéis do estado durante a semana de carnaval, o que frustrou a expectativa de recuperação econômica após o período mais restritivo para conter a crise gerada pela pandemia de Covid-19. A previsão é da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH-RN).

De acordo com o representante da associação, Abdon Gosson, o setor apresentou leve melhora em novembro do ano passado com indicativos de recuperação dos índices de movimentação turística, mas em janeiro o cenário voltou a preocupar com novas quedas nas reservas. Para ele, o aumento no número de infecções por coronavírus observado no fim do ano acabou afastando os turistas do Rio Grande do Norte.

“Esperávamos uma melhoria muito grande porque as pessoas ficaram trancafiadas em casa por muito tempo para conter o avanço da doença. A época de veraneio e a chegada da vacina também nos deram um otimismo. No entanto, com a divulgação da segunda onda caíram muito as vendas e o faturamento também caiu demais. Isso quer dizer que as pessoas nos hotéis estão gastando menos dinheiro no restaurante, no bar, no passeio. No turismo como um todo também há um gasto menor porque esse foi o setor mais prejudicado pela pandemia no mundo”, afirmou Gosson.

Categorias