Admin

Admin

A vaidade é o pecado favorito do diabo

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

 

Na manhã desta segunda-feira (31), no seu comentário na CNN Brasil, o jornalista Alexandre Garcia, falou a respeito da difícil situação em que se encontra o governador afastado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. Witzel foi afastado do cargo pelo STJ por suposto envolvimento no desvio de recursos destinados para combater a pandemia do coronavírus. Garcia afirmou que Witzel, eleito com um discurso de combate rigoroso a corrupção, que ocorre de forma praticamente generalizada  naquele estado,  e no rastro da popularidade do presidente Bolsonaro, foi vaidoso ao se declarar muito cedo, candidato a presidente da república em 2022.

Declarou o experiente e competente jornalista: ” A vaidade  é o pecado predileto do diabo. A vaidade fecha horizontes. Ao contrário da vaidade, a humildade abre horizontes”.

Caríssimos (as) leitores e leitoras, vale dizer que vivemos uma pré-campanha eleitoral municipal, onde por toda parte, em determinadas situações já circulam promessas  na maioria das vezes,  impossíveis de se colocar em prática, além de apoiadores de certos pré-candidatos anunciarem aos quatro ventos, especialmente nas redes sociais, que seus preferidos já podem se considerar eleitos.

Quem pensa assim cabe refletir a respeito do que disse o mestre Alexandre Garcia: “A vaidade é o pecado favorito do diabo pois ela fecha horizontes”.

Citando a nossa amiga, blogueira Adriana Nascimento: “Fica a dica”.

Categorias