Candidato que vencer eleições no Brasil terá reconhecimento dos EUA, diz embaixada

Foto: Pexels

A embaixada dos Estados Unidos no Brasil negou neste sábado, 24, negociações “com qualquer candidato ou partido político” e declarou que os EUA reconhecerá como presidente quem vencer o pleito ao Palácio do Planalto, em processo orquestrado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em nota divulgada no Twitter oficial da embaixada, foi informado o seguinte: “Nossa confiança nas eleições brasileiras tem sido claramente reforçada por vários funcionários do alto escalão do governo dos EUA e permanece inalterada. O eventual reconhecimento dos EUA virá ao candidato que vencer a eleição presidencial como resultado da nossa determinação sobre a integridade do processo eleitoral liderado pelo @TSEjusbr, e não de uma negociação com qualquer candidato ou partido político”.

O posicionamento a oito dias do primeiro turno das eleições ocorreu após o encontro do encarregado de negócios, Douglas Koneff, com o candidato do PT à presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva, na última quarta-feira, 21. A reunião aconteceu em São Paulo e Koneff teria dito ao ex-presidente que Washington reconheceria rapidamente o resultado das eleições brasileiras.

Jovem Pan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *