Silvério Alves

Silvério Alves

Faleceu a professora Maria Erileide, vítima da Covid-19, grande incentivadora da leitura nas escolas públicas do RN

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

Faleceu nas primeiras deste domingo (19) num hospital, em Natal, a professora Maria Erileide Rocha, mais uma vítima da Covid-19. Erileide pertencia aos quadros da Secretaria Estadual da Educação, onde desenvolvia um brilhante trabalho de incentivo a leitura e a modernização e funcionamento a contento das bibliotecas das escolas públicas estaduais. Era uma verdadeira missionária percorrendo todas as regiões de nosso estado, levando o apoio e o incentivo a gestores escolares, professores e alunos colocando em prática, políticas públicas em prol da leitura.

No segundo Governo Garibaldi Filho, começo dos anos 2000, quando eu era diretor da 4 Diretoria Regional da Educação, realizamos em São Paulo do Potengi o PROLER, que reuniu 250 educadores de toda a região e o PROLER Jovem, que contou com a participação de 250 estudantes de toda a jurisdição da DIREC, amboscom duração de 4 dias. Erileide e sua equipe da SEEC/RN ajudaram muito na coordenação dos dois acontecimentos culturais.

A última vez que ela esteve em nossa cidade, foi no início do ano passado, atendendo convite da Escola Estadual Maurício Freire, para proferir uma palestra na Jornada Pedagógica daquele Educandário.

Era uma pessoa alegre, descontraída, firme e atenciosa, além de bastante competente e dedicada na missão de educadora. Nossa amiga deixa uma grande lacuna na Educação do Rio Grande do Norte.

Descanse em paz.

Categorias