Prometi que não falaria mais do blogueiro e radialista Trombado Besteiros. Por isso falarei do seu filho, Besteiros Júnior.

Hoje, 3, voltava de Natal com meu pai. Viemos escutando um programa que Besteiros.

Ele já começou batendo em Dom Jaime, ao qual chama de “esquerdista”.

Depois, foi a vez de seu filho, Besteiros Júnior, criticar o “catolicismo progressista, “fruto dos males da Igreja”

Insinuou que Francisco falava besteiras, propagava ensinamentos errados, ressaltando, porém, que nesses casos ele não falava “ex cathedra” (ele queria mostrar que sabia latim).

Ao final, arrematou que, apesar de tudo isso, “reza pela alma do Papa, como todo católico deve fazer”.

Para atestarem o “esquerdismo” de Dom Jaime, comentaram a foto dele com a bandeira do MST (acima).

Insinuaram que esta seria uma postura inaceitável para um homem de fé, o que é obviamente errado.

A uma, porque pertencer ao MST, por si só, não faz de uma pessoa menos cristã. A duas, porque ainda que fizesse, cabe ao pastor ir à procura da ovelha perdida (Mt 18:10).

Imagino o que diria Besteiros Júnior se vivesse na época de Cristo, ao vê-lo “comer com publicanos e pecadores” (Mc 2,16), conversar com uma adúltera samaritana (Jo 4) ou curar o servo de um oficial do império pagão que o perseguia (Lc 7).

O discurso de hoje lembrou-me dos fariseus e mestres da lei, que se achavam justos, oravam alto em praça pública para mostrar “piedade” e utilizavam termos difíceis para serem chamados de “mestres” (Cf. Mt 23).

Felizmente, Cristo revelou-se aos pequenos, ocultando-se dos sábios e entendidos (Mt 11,25).

E Dom Jaime sabe.

Dom Jaime era discípulo do Santo Católico Potiguar (ainda não canonizado) Monsenhor Expedito.

Poliglota e intelectual, que se correspondia com intelectuais do Brasil e do Exterior, Padre Expedito não falava “ex cathedra”, mas sim a língua das pessoas humildes e analfabetas do sertão, a fim de que entendessem o poder da misericórdia de Deus, que os fariseus contemporâneos queriam esconder sob o pretexto de zelo dogmático.

Categorias