Silvério Alves

Silvério Alves

Servidores inativos do Estado que não fizeram a Prova de Vida terão benefício bloqueado em dezembro

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on email

A retomada da prova de vida pela previdência estadual começou no último mês de setembro, porém, nesse referido mês, dos 4.665 inativos que deveriam fazer essa atualização cadastral (3.812 aposentados e 843 pensionistas), deixaram de comparecer 678, sendo, 512 aposentados e 166 pensionistas.

Portanto, devido a esse elevado número de faltosos, o IPERN está prorrogando o prazo da “prova de vida” para até o dia 30 de novembro/2021, especificamente para os inativos aniversariantes nos meses de setembro e outubro que ainda não compareceram aos postos de atendimento do IPERN (agência em Natal, Mossoró e Caicó, bem como nas Centrais do Cidadão localizadas nos seguintes municípios: Alexandria, Alto do Rodrigues, Apodi, Caraúbas, Ceará-Mirim, João Câmara, Macaíba, Macau, Parelhas, Parnamirim, Pau dos Ferros, Santa Cruz, São José de Mipibu e São Paulo do Potengi).

Importante ressaltar que, a partir do mês de dezembro/2021 será bloqueado o pagamento do benefício desses aniversariantes dos meses de setembro e outubro que não fizeram a referida “prova de vida”.

Para fazer a prova de vida é necessário comparecer munido dos seguintes documentos: Carteira de Identidade, CPF e um comprovante de residência. – BG

Categorias