São Paulo do Potengi completou 12 dias sem registrar novos casos de Covid-19

A Prefeitura de São Paulo do Potengi, através da Secretaria Municipal de Saúde, publicou nas redes sociais, que nessa quinta-feira, 6 de janeiro, nosso município completou 12 dias sem registrar novos casos de Covid-19. Os últimos casos foram registrados no dia 24 de dezembro de 2021.

Por outro lado, a Secretaria de Saúde orienta, que precisamos continuar colocando em prática, todos os cuidados de combate a terrível peste.

Ômicron: Brasil registra 1ª morte confirmada pela variante da Covid-19

Nesta quinta-feira (6), a Secretaria de Saúde de Aparecida de Goiânia, em Goiás, confirmou a primeira morte em decorrência da variante Ômicron da Covid-19 . Este é o primeiro óbito causado pela mutação do coronavírus no Brasil.

De acordo com informações do órgão, a vítima era um homem de 68 anos que estava internado, tinha doença pulmonar obstrutiva crônica e hipertensão arterial. Ele já havia recebido três doses da vacina contra a Covid-19.

O homem teve contato com uma pessoa que havia testado positivo para a doença e já tinha tido a infecção pela  variante confirmada.

A detecção foi feita pelo Programa Municipal de Sequenciamento Genômico, que tem analisado amostras positivas coletadas no município para mapear a informação genética e identificar as variantes da Covid em circulação. Por enquanto, 2.386 sequenciamentos já foram feitos na cidade e 55 casos da Ômicron foram confirmados.

IG

OMS prevê fim da pandemia de Covid-19 em 2022

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou que 2022 deverá ser o ano “em que acabaremos com a pandemia”. Tedros Adhanom Ghebreyesus fez a previsão durante entrevista coletiva em Genebra. Ele também defendeu a redução da desigualdade no acesso às vacinas.

Com o surgimento da variante ômicron, detectada na África do Sul em novembro e muito mais contagiosa, países enfrentam uma quinta onda de covid-19 e apertam as restrições. O chefe da OMS alertou para os riscos das reuniões familiares neste período de festas.

“No próximo ano, a OMS está empenhada em fazer todo o possível para acabar com a pandemia”, acrescentou. “Se quisermos acabar com ela, devemos acabar com a desigualdade (no acesso às vacinas), garantindo que 70% da população de todos os países esteja vacinada até meados do ano que vem”, disse Tedros.

Novo Notícias

Em nota, Sesap diz que acompanha a apuração da Polícia Federal e da CGU sobre operação que investiga contratações de leitos de UTI para Covid

Em nota, a Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap), diz que acompanha a apuração ação da Policia Federal e da Controladoria Geral da União, sobre a investigação de contratações de leitos de UTI, no Hospital Cel. Pedro Germano e no Hospital João Machado, firmados pelo Governo do Estado referentes ao enfrentamento à pandemia da Covid-19.

Veja nota:

A Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) acompanha a apuração da Polícia Federal e da Controladoria Geral da União cooperando com todas as informações requisitadas.

O processo corre em segredo de justiça, o que impede quaisquer outros posicionamentos da secretaria a respeito do caso. A Sesap aguarda os próximos passos e reforça que segue apoiando todo e qualquer procedimento de apuração promovido pelos órgãos públicos de controle, prezando sempre pelo bom trato do dinheiro público e pela saúde dos potiguares.

A Sesap continua o trabalho de enfrentamento à pandemia e reconhece o comprometimento e responsabilidade dos servidores, que têm atuado de forma ética na garantia da assistência à população do Rio Grande do Norte.

43 municípios registram piora na pandemia e RN volta a ter cidade em alerta vermelho; por outro lado, Rui Barbosa está entre as 8 cidades que estão com sinal verde

O Indicador Composto, com dados analisados na última semana encerra nessa terça-feira (29), apontam que a pandemia registrou piora nos índices em 43 municípios do Rio Grande do Norte. Desse total, 11 estão na 6ª Regional de Saúde, que tem sede em Pau dos Ferros.

Na 2ª Regional de Saúde, de São José de Mipibu, 9 municípios pioram. Na 3ª, de João Câmara, 8 pioraram. Já na 4ª, de Caicó, foram 7 cidades com redução nos índices. A 2ª, de Mossoró, teve piora em 5 municípios. Na 5ª, de Santa Cruz, foram 2; e na 8ª, de Assú, apenas 1. A 7ª Regional, que é a Metropolitana, não houve piora.

Além das cidades que tiveram piora, o Rio Grande do Norte ainda teve 88 municípios que se mantiveram em estabilidade e 36 que melhoraram. Os número acendem o alerta já que na semana passada foram apenas 5 municípios que pioraram, enquanto 105 ficaram estáveis e 57 melhoraram a situação.

De acordo com o relatório, apenas um município está com alerta vermelho, com o escore de avaliação em 5 – o pior da avaliação: Francisco Dantas, no Oeste Potiguar. Por outro lado, são 8 cidades em verde claro, com escore 1 – o melhor da análise: Ruy Barbosa, Jardim de Angicos, João Dias, Messias Targino, Monte das Gameleiras, Rafael Godeiro, Serra de São Bento e Timbaúba dos Batistas.

A última vez que o estado havia registrado municípios em alerta vermelho foi no Indicado Composto de 8 de junho. Na ocasião, apenas dois municípios estavam na pior condição do relatório: Apodi e São Rafael.

Robson Pires

RN: Instituto Evandro Chagas descarta morte de paciente por variante indiana da Covid-19

O Instituto Evandro Chagas emitiu Nota Técnica, nesta quarta-feira (09), com o resultado da Investigação de variante Delta (B.1.617.2) do SARS-CoV-2 em caso suspeito oriundo do estado do Rio Grande do Norte.

Os resultados descartam a ocorrência da linhagem B.617.2, a variante delta, no caso investigado.

O paciente de 29 anos, do sexo masculino, apresentava sintomas de síndrome Respiratória aguda grave (SRAG) e foi a óbito no dia 31 de maio de 2021.

Acordo com Janssen antecipa entrega de 3 milhões de doses de vacina contra a Covid-19, anuncia Ministro da Saúde

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, informou nesta sexta-feira (4) que o governo conseguiu antecipar com a farmacêutica Janssen a entrega de 3 milhões de doses da vacina contra a Covid para este mês.

O Brasil firmou um acordo com a Janssen de 38 milhões de doses. As remessas estavam previstas para chegar a partir dos próximos meses.

“A vacina da Janssen, nós já tinhamos acertado com a Janssen 38 milhões de doses da vacina, nós conseguimos antecipar 3 milhões. Chega agora no mês de junho”, disse o ministro.

A vacina da Janssen requer a aplicação só de uma dose, ao contrário da maioria das vacinas sendo aplicadas atualmente contra a Covid, que exigem duas doses.

“Estamos organizando com o Conass e Conasens a estratégia de distribuição dessa vacina. A principal característica dessa vacina é que ela é dose única, então, sendo dose única, são 3 milhões de brasileiros a mais imunizados de forma completa contra a Covid-19”, continuou o ministro.

O governo tenta antecipar a entrega de vacinas já contratadas para acelerar o ritmo da vacinação no país, considerado lento por especialistas.

Até a noite de quinta-feira (3), 47.718.537 de brasileiros haviam recebido a primeira dose, o que corresponde a 22,53% da população.

Já a segunda dose foi aplicada em 22.739.521 pessoas, o que equivale a 10,74% da população.

G1

COVID: Brasil registra 1.682 óbitos e 83 mil novos casos nas últimas 24h

O Ministério da Saúde divulgou os dados mais recentes sobre o coronavírus no Brasil nesta quinta-feira (3):

– O país registrou 1.682 óbitos nas últimas 24h, totalizando 469.388 mortes;

– Foram 83.391 novos casos de coronavírus registrados, no total 16.803.472 milhões pessoas já foram infectadas.

16 pessoas morreram por Covid-19 nas últimas 24 horas no RN; novos casos são 1.202

A Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) atualizou os números do coronavírus nesta quarta-feira (02). Foram mais 1.202 casos confirmados, totalizando 270.887. Até terça-feira (01) eram 269.685 infectados.

Com relação aos óbitos no Rio Grande do Norte, são 6.189 no total, sendo 16 mortes registradas nas últimas 24h: Mossoró(03), Upanema(02), Monte Alegre(02), São Miguel(01), Tangará(01), Rodolfo Fernandes(01), Parnamirim(01), Areia Branca(01), São Rafael(01), Afonso Bezerra(01), Jardim do Seridó(01) e Apodi(01).

A Sesap ainda registrou outros 24 óbitos ocorridos após a confirmação de exames laboratoriais de dias ou semanas anteriores. Óbitos em investigação são 1.302. Na terça-feira (01) o número total de mortes era 6.149.

Casos suspeitos somam 90.147 e descartados 522.995.

A foto acima é ilustrativa