Quem vai atender ao povo simples do interior brasileiro com a saída dos médicos cubanos?

Médico brasileiro Rodrigo Arruda mostra unidade de saúde. (Foto: Katherine Coutinho / G1)

Sem pretensão de entrar na polêmica que já tomou conta do Brasil (uns contra outros a favor), em torno da decisão do presidente eleito Jair Bolsonaro, que anunciou que vai cancelar o Programa Mais Médicos com Cuba. Programa que sendo encerrado vai prejudicar a população de cerca de 3 mil e 200 cidades brasileiras, muitas das quais contando apenas com o auxílio dos médicos cubanos.

Por outro lado, no nosso entendimento com um diálogo entre ambas as partes talvez se chegasse a um entendimento para resolver o problema.

Portanto se persistir a contenda, quem vai atender a população pobre do interior brasileiro (sem ter a quem recorrer) com a saída dos médicos cubanos do nosso país? É apenas uma pergunta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *