Bolsonaro está “se borrando”, diz Lula sobre eleições

O ex-presidente e pré-candidato ao Palácio do Planalto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse nesse sábado (18) que Jair Bolsonaro (PL) está “se borrando”. O petista se refere às desconfianças que o atual presidente tem levantado sobre o processo eleitoral.

Lula mencionou as eleições que Bolsonaro já disputou e ganhou realizadas com urnas eletrônicas. “Ele está se borrando com medo da urna eletrônica”, declarou o petista.

“Na verdade, a urna eletrônica é apenas um pretexto”, afirmou o ex-presidente em seguida. “Ele está com medo não é da urna eletrônica, ele está com medo é da urna humana que vai votar no dia 2 de outubro”, declarou Lula.

O ex-presidente deu a declaração em discurso em São Cristóvão (SE), cidade histórica a cerca de 25 km de Aracaju.

Poder360

Tangará/RN: Cayla Rodrigues apoiará Natália Bonavides para deputada federal

Cayla Rodrigues declarou que fará campanha para a deputada federal Natália Bonavides em sua cidade, Tangará.

Cayla é presidenta do PT no município e foi candidata a prefeita daquela cidade pelo Partido dos Trabalhadores, em 2020. “Natália vem fazendo muito por Tangará. Enviou emenda que ajudou bastante na melhoria dos serviços de saúde de nossa cidade e tem atuação sempre presente, sobretudo nas comunidades mais necessitadas”.

Acrescentou Cayla: “Natália é uma mulher forte e bastante atuante, uma verdadeira representante do povo do Rio Grande do Norte”. A presidenta do PT em Tangará ainda disse que será uma campanha feita com muita alegria e entusiasmo, por saber que “a população vai reconhecer o trabalho que a parlamentar vem fazendo pelo estado e pelos tangaraenses”.

FOTO: No RN, jovem sobe nos braços de Bolsonaro e ganha aposta que fez com petista

Chamou atenção nas redes sociais, nesta sexta-feira (17), a imagem de um jovem que subiu no ombro do presidente Jair Messias Bolsonaro (PL) durante sua passagem por Natal. Conforme é possível ver em uma plaquinha, a foto se tratava de uma aposta feita com um petista.

O cartaz dizia: “Presidente, apostei com um petista que ia tirar uma foto com o senhor. Quero ganhar esta aposta. Deus, Pátria, Família”.

96 FM

VÍDEO: Multidão vai ao Arena das Dunas para ato político de Lula e Fátima

No dia de hoje, 16, uma multidão foi ao Arena das Dunas para o ato político de Lula e Fátima.

Confira abaixo o vídeo:

PODEMOS-RN definirá candidatura ao Governo do Estado até dia 19 de junho

O PODEMOS do Rio Grande do Norte reuniu filiados, membros do diretório estadual e pré-candidatos da legenda para debater, em assembleia realizada neste fim de semana, os rumos do partido nas eleições majoritárias deste ano. A grande maioria deliberou que o prazo final para a legenda decidir se terá candidato ao Governo do RN é o próximo dia 19 de junho. Até lá, todos esperam que o senador Styvenson Valentin (PODEMOS), principal nome do partido, anuncie a intenção de concorrer.

Além do debate sobre a participação do partido na eleição majoritária, o PODEMOS também apresentou, no encontro, o resultado preliminar da primeira etapa de uma pesquisa contratada pela Fundação Podemos que está sendo realizada por um doutorando em economia da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) e por especialistas da própria fundação, sobre o desenvolvimento econômico do Rio Grande do Norte. Esta pesquisa será apresentada ao público pelo diretório estadual do partido nos próximos dias.

“Temos excelentes nomes de pré-candidatos para as eleições proporcionais. Eles cobram e aguardam definição sobre se teremos candidatura própria majoritária ou se abriremos diálogo com outros partidos. Por isso ficou estabelecida a data de 19 de junho”, explica o presidente do PODEMOS RN, advogado Felipe Madruga. O senador Styvenson não participou do encontro, mas enviou o assessor Alyandro Rocha.

Doria anuncia volta ao setor privado e diz que faria tudo de novo

O ex-governador de São Paulo João Doria (PSDB) anunciou nesta segunda (13) que irá voltar ao setor privado. Ele deixou o cargo em 31 de maio para tentar disputar a Presidência, respaldado que estava como nome escolhido pelo partido em prévias no fim do ano passado.

O projeto não funcionou, dada a resistência interna da sigla, e Doria desistiu da postulação em 23 de maio. Seu partido decidiu apoiar a tentativa da senadora Simone Tebet (MDB-MS) de se lançar ao Planalto.

Doria irá integrar, ao lado do ex-chanceler Celso Lafer e do seu ex-secretário de Fazenda Henrique Meirelles, o conselho do grupo empresarial Lide, que era comandado por ele antes da entrada na vida pública como prefeito eleito de São Paulo em 2016.

Em rápido discurso a jornalistas, Doria disse que não se arrependeu de “medidas impopulares” em sua gestão como governador, em especial no combate à pandemia. “Faria tudo de novo”, afirmou, dizendo que não deixará o PSDB.

Folha

Bolsonaro: ‘Se Lula voltar ao poder, vai ser para nunca mais sair’

Jair Bolsonaro (foto) afirmou que, se Lula vencer a corrida ao Palácio do Planalto neste ano, voltará ao poder “para nunca mais sair”. A declaração foi dada em entrevista à rádio CBN Recife nesta manhã (13).

“O temor que eu tenho não é por mim, é continuar a política que ele fazia. Se Lula continuar a política que ele fazia no passado, vai ser pior agora, no meu entendimento. Ele está crente que não cometeu crime nenhum. No meu entender, se voltar, vai ser para nunca mais sair“, disse o presidente da República.

O Antagonista

Vinda de Lula a Natal terá visita em feira, almoço com governadores e ato político na Arena das Dunas

Foto: Reprodução

A vinda do ex-presidente Lula a Natal (RN) está confirmada para a próxima quinta-feira (16) em Natal. A data coincide com a 1ª Feira Nordestina de Agricultura Familiar, que ocorre entre 15 e 19 de junho, no Centro de Convenções, na via Costeira.

O PT está preocupado com as questões de segurança e os limites da legislação eleitoral. Lula chegará a Natal pela manhã – em horário não divulgado – e irá do aeroporto internacional de São Gonçalo direto para o Centro de Convenções, onde acontece a feira.

No evento, de acordo com informações repassadas pelo presidente do PT/RN Júnior Souto, o ex-presidente vai caminhar pelos estandes e, em seguida, vai almoçar com os governadores dos 9 estados nordestinos que já confirmaram presença.

Na sequência, Lula vai para a Arena das Dunas, onde está programado o grande ato político batizado “Juntos pelo RN”.

A expectativa do PT é reunir entre 10 mil e 15 mil pessoas no estacionamento da Arena das Dunas. A concentração está marcada para 15h. A entrada do público será gratuita, mas haverá detector de metais na entrada.

Saiba Mais

Bolsonaro se reúne com o presidente dos EUA, Joe Biden, pela primeira vez

O presidente Jair Bolsonaro se encontrará, nesta quinta-feira (9), com o líder estadunidense Joe Biden na Cúpula das Américas. Será o primeiro encontro bilateral entre os dois chefes de estado desde que o democrata chegou à Casa Branca em 2021.

Entre os assuntos que devem ser tratados pelos líderes estão o combate à insegurança alimentar, a situação econômica, a energia renovável e o meio ambiente.

Os estadunidenses querem que seja aprovada uma declaração conjunta dos países sobre o meio ambiente e buscam o apoio do Brasil para dar força ao compromisso. Fontes com acesso às negociações informaram que o documento deve ter o apoio brasileiro.

A Cúpula das Américas começou na última segunda-feira (6) e se estenderá até esta sexta-feira (10). Havia o temor de esvaziamento após os Estados Unidos excluírem do evento Cuba, Venezuela e Nicarágua, argumentando que são países não democráticos.

R7

Nota de solidariedade a Janeayre Souto, que foi vítima de agressão na Secretaria de Administração do Estado

No dia de hoje, 08, a presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Serviço Público da Administração Direta do Estado do Rio Grande do Norte (Sinsp/RN), Janeayre Souto, foi agredida pelo secretário adjunto da Secretaria Estadual de Administração do Estado, George Câmara.

Na oportunidade, Janeayre quase teve o braço quebrado ao ser impedida de participar de uma reunião no prédio da Secretaria de Administração.

É lamentável que o caso em questão se dê no ambiente de um governo democrático e popular.

O direito de mobilização dos servidores públicos é legítimo e deve se respeitado pelas autoridades.

Nos solidarizamos com Janeayre Souto e com os servidores públicos do RN, e cobramos da governadora Fátima Bezerra medidas enérgicas no sentido de reafirmar o compromisso do governo com o diálogo respeitoso e democrático com os movimentos sociais.

A truculência vista neste episódio não condiz com as práticas políticas de que o país necessita e não pode ser minimizada.

Fábio Dantas comemora retomada da economia com festejos juninos e recebe apoio em Mossoró e Carnaubais

O pré-candidato ao Governo do RN, Fábio Dantas, esteve neste sábado(4), nos municípios de Carnaubais e Mossoró, recebendo apoios políticos e participando dos festejos juninos do interior.

Na abertura do maior São João do Rio Grande do Norte, na festa Pingo Da Mei Dia, Fábio Dantas sentiu o carinho da população com sua pré-candidatura. Acompanhado do prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, do presidente da Câmara de Vereadores, Lawrence Amorim e do pré-candidato ao Senado, Rogério Marinho, Fábio conversou com comerciantes, líderes culturais e foliões da festa.

“É uma alegria ver a população recuperar suas tradições culturais de maneira original, além de saber que do pequeno comerciante informal ao grande empresário, todos estão retomando suas atividades”, disse o pré-candidato.

Fábio, ao lado de sua esposa, a deputada Cristiane Dantas, esteve ainda com o ex-candidato a prefeito de Mossoró, Tião da Prest, o presidente estadual do Partido Solidariedade, advogado, ex-vice-prefeito, ex-vereador e empresário Janiel Hercílio, a advogada Luciana Bezerra, esposa de Kelps Lima e a primeira dama de Mossoró, Cinthia Pinheiro, e, ainda, com a esposa do presidente da Câmara, Fátima Tereza.

Já em visita à Carnaubais, o pré-candidato a governador Fábio Dantas recebeu o apoio do ex-prefeito Luizinho, do ex-prefeito Dr. Thiago e do ex-prefeito Geovane Wanderley. O encontro contou ainda com a presença do vereador Mário César, além de lideranças políticas, ex-vereadores, suplentes, imprensa local e presidentes municipais dos partidos: PL, PROS, PSB, PC do B, Cidadania, PP, e Solidariedade.

BG

“Se o Lula for, eu vou junto”, diz Bolsonaro sobre debates no 1º turno

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que se o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) comparecer aos debates de primeiro turno das eleições deste ano, o chefe do Executivo federal “vai junto com ele”.

Durante conversa com a imprensa em Foz do Iguaçu (PR), na sexta-feira (3/6), o mandatário da República comunicou que sua participação nos debates do primeiro turno é uma “questão de estratégia” e ainda está sendo “analisada”.

“Vou ver, isso é questão de estratégia. Mas é questão de estratégia do momento. Eu não quero assumir um compromisso agora e depois não cumprir na frente. Nunca um presidente, pelo o que eu tenha conhecimento, participou do 1º turno de debate. Talvez eu compareça. Vamos esperar. Eu fecho agora, se o Lula for, eu vou junto com ele”, afirmou Bolsonaro.

O presidente ainda disse que não entende como Lula tem 40% das intenções de voto. Segundo pesquisa divulgada pelo Instituto Datafolha, o ex-presidente tem 48% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro tem 27%.

“Eu não consigo entender o outro lado ter 40% das intenções de votos. O cara não consegue ir à rua para nada, nem para entrar num butiquim”, reclamou Bolsonaro.

O levantamento foi feito com 2.556 entrevistados acima de 16 anos, em 181 municípios de todos os estados brasileiros. A pesquisa foi realizada entre quarta (25/5) e quinta-feira (26/5).

2º turno

No início desta semana, Bolsonaro disse que só pretende participar de debates com os candidatos ao Palácio do Planalto em um eventual segundo turno das eleições. Durante entrevista, o presidente sugeriu perguntas “combinadas” para evitar “pancadas”.

“Havendo o debate, eu vou participar. O segundo turno eu vou participar. Se eu for para o segundo turno – devo ir, né? -, eu vou participar. No primeiro turno, a gente pensa. Porque se eu for, os 10 candidatos vão querer o tempo todo dar pancada em mim. E eu não vou ter tempo de responder para eles”, salientou o presidente em entrevista ao Programa do Ratinho, da Rede Massa.

“Aí vai fazer pergunta para outro, vão dar pancada em mim e depois pergunta para outro. Então nós vamos analisar isso daí, porque eu acho que debate teria que ser para ter perguntas pré-acertadas com os encarregados de fazer os debates, para não baixar o nível”, concluiu.

Em 2018, quando disputou a cadeira presidencial, Bolsonaro foi duramente criticado por se ausentar de alguns debates com candidatos ao pleito. Durante o período eleitoral, o então candidato foi esfaqueado durante campanha em Juiz de Fora, Minas Gerais.

Em janeiro deste ano, o chefe do Executivo federal afirmou que compareceria a todos os debates. Na ocasião, ele também ressaltou que a presença nas discussões só seria efetiva se os familiares não fossem citados pelos oponentes.

Metrópoles

União Brasil tem quase 1 bilhão de reais do Fundão Eleitoral

O União Brasil conta a nível nacional com a maior fatia do Fundão eleitoral, cerca de 1 bilhão de reais. O União Brasil é presidido no Rio Grande do Norte pelo ex-senador José Agripino Maia. É muito dinheiro para os candidatos da referida legenda partidária.

Com informações de Robson Pires

Prefeito de São Pedro, Miguel Cabral declara apoio a Robson Faria

O prefeito reeleito de São Pedro, Miguel Cabral, declarou em suas redes sociais que apoia a pré-candidatura do Ex-Governador Robson Faria para deputado federal.

O ex-governador vem conseguindo apoio de vários prefeitos na Região Potengi e municípios vizinhos.

Rafael Motta mantém candidatura ao Senado e rebate declarações de Fátima

O presidente estadual do PSB, deputado Rafael Motta, afirmou que mantém a pré-candidatura ao Senado e reagiu a declarações da governadora Fátima Bezerra (PT). Durante encontro do Partido dos Trabalhadores, no fim de semana, a governadora disse que a pré-candidatura de Rafael Motta é  “extemporânea” e beneficiaria o adversário do PT e do PSB, ex-ministro Rogério Marinho (PL), que também é pré-candidato a senador. 

Nesta segunda-feira (30), Rafael Motta negou que sua pré-candidatura a uma vaga no Senado tenha como implicação política e eleitoral o “benefício” ao ex-ministro. 

“Estou certo de que uma terceira candidatura para o Senado não beneficia alguém em particular, mas sim toda a população”, destacou o deputado federal do PSB. Ele defendeu que os eleitores do Rio Grande do Norte tenham opções e argumentou que o lançamento de mais um nome na disputa não leva a entraves aos aliados do PT, mas sim a garantias de que haverá alternativas aos potiguares. 

“Mais de 50% dos eleitores potiguares já manifestaram que não têm intenção de votar nos nomes postos”, apontou Rafael Motta.

Com informações da Tribuna do Norte

PT termina Encontro Eleitoral sem consenso sobre alianças com MDB e PDT

Foto: Reprodução

Terminou há pouco o Encontro de Tática Eleitoral do PT-RN. O resultado foi a confirmação da aliança com MDB e PDT, com a indicação de Walter Alves para a vice de Fátima Bezerra e de Carlos Eduardo para o Senado.

A aliança foi aprovada em duas votações. 70% dos delegados votaram a favor da aliança com o MDB; 80% votaram pela aliança com o PDT.

Mesmo confirmando as alianças com o MDB e o PDT, o encontro não chegou a um consenso. Nos últimos meses, a direção majoritária do PT trabalhou pesado para debelar as insatisfações crescentes em torno da política de alianças do partido. Para tanto, líderes do partido e do governo se revezaram nos esforços de negociação.

A Articulação de Esquerda, corrente de Natália Bonavides, votou contra a indicação de Walter Alves para a vice e Carlos Eduardo para o Senado. Já a Democracia Socialista, corrente de Isolda Dantas, votou contra a indicação do vice do MDB.

Fato curioso do Encontro é que o pedido de aliança por parte do PSB, que indicou o nome de Rafael Motta para o Senado, sequer foi à votação. Aos delegados presentes, o presidente Júnior Souto justificou o veto ao PSB dizendo que o pedido dos socialistas “chegou de forma intempestiva”

Debate Potiguar

55% da população acredita que há chance de ocorrer fraude nas eleições deste ano, diz pesquisa Datafolha

55% da população brasileira vê alguma chance de ocorrer fraude nas eleições deste ano. É o que aponta a pesquisa Datafolha divulgada na tarde desta sexta-feira, 27. Para 34% dos entrevistados, existe muita chance do pleito ser fraudado. Outros 21% acreditam que há um pouco de chance.

Por outro lado, 43% afirmam não existir chance disso acontecer. Apenas 2% não souberam responder ou não opinaram.

Entre os eleitores do atual mandatário do país, a percepção de 60% deles é de que existe muito risco de fraude, enquanto 21% dizem existir apenas um pouco. Para 16%, não há tal possibilidade.

Entre os eleitores de Lula (PT), o cenário é inverso: a maioria, de 57%, descarta a situação, enquanto 21% afirmam ter uma grande possibilidade de fraude; 20% veem pouca. Nos dois recortes, 2% não souberam responder.

Com a proximidade do pleito e com o aumento das críticas desferidas pelo chefe do Executivo às urnas eletrônicas e ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a porcentagem daqueles que não confiam no sistema eleitoral passou de 17% em março para 24% este mês. Concomitantemente, caiu de 82% para 73% a taxa dos que confiam no sistema, assim como a dos eleitores que confiam muito abaixou de 47% para 42%. Os que confiam pouco passou de 35% para 31%. Entre os entrevistados, 2% não opiniram.

A pesquisa foi feita nos dias 25 e 26 de maio, com 2.556 entrevistados em 181 municípios entre a quarta-feira, 25, e esta quinta-feira, 26. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. Contratada pelo jornal Folha de S. Paulo, o levantamento está registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número BR-05166/2022.

Jovem Pan

Estado precisa parar de dizer “sim” a banqueiros, afirma Lula

O ex-presidente e pré-candidato ao Palácio do Planalto Luiz Inácio Lula da Silva (PT) disse nessa sexta-feira (27.mai.2022) que o Estado precisa parar de dizer “não” a trabalhadores e “sim” para banqueiros.

O petista deu as declarações em encontro com movimentos sociais em São Paulo.

“É preciso parar de dizer não ao povo trabalhador, é preciso parar de dizer não ao povo sofrido”, disse Lula. “É preciso parar de dizer não a esses e [parar de] dizer sim aos banqueiros, aos empresários, àqueles que às vezes vem aqui só para explorar o povo trabalhador”, declarou o petista.

Na 3ª feira (24.mai), Lula também citou banqueiros. “Por que aprovaram o teto de gastos? Porque os banqueiros são gananciosos”, afirmou na ocasião.

“Ao invés de a gente ficar discutindo responsabilidade fiscal para garantir dinheiro para banqueiro, nós temos que discutir responsabilidade social para pagar a dívida que nós temos ao povo trabalhador nesse país”, disse o ex-presidente nessa sexta (27.mai).

Poder360

Bolsonaro: “Regulação da mídia nos levará à prisão fora de uma cela”

O presidente Jair Bolsonaro (PL) criticou nesta sexta-feira (27/5) o projeto de lei que torna crime o financiamento e a disseminação de fake news. O texto está em análise pela Câmara dos Deputados.

Entre outros pontos, a proposta fixa pena de 1 a 3 anos e multa para quem promover ou financiar, mediante uso de contas robôs e outros meios, a disseminação em massa de mensagens que contenham fake news.

Durante sua transmissão ao vivo nas redes sociais, excepcionalmente nesta sexta, o chefe do Executivo federal correlacionou o projeto a discursos recentes do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre a regulamentação da mídia. Segundo Bolsonaro, a regulação da mídia e das redes sociais será “uma prisão fora de uma cela”.

“O que eu entendo, até porque o outro lado, o lado aí do senhor Lula, ele tem falado constantemente em regular a imprensa, essa que está aí, a antiga imprensa, e também regular as mídias sociais. Qual a conclusão que eu tiro lendo esse projeto de forma mais apurada? Que a regulação da mídia e das redes sociais nos levará a uma prisão fora de uma cela”, afirmou Bolsonaro.

Metrópoles

Pesquisa Datafolha: Lula tem 48% no primeiro turno, contra 27% de Bolsonaro

Pesquisa do instituto Datafolha divulgada nesta quinta-feira (26) pelo site do jornal “Folha de S. Paulo” revela os índices de intenção de voto para a eleição presidencial de 2022.

Foram apresentados como pré-candidatos: Lula (PT), Jair Bolsonaro (PL), Ciro Gomes (PDT), André Janones (Avante), Simone Tebet (MDB), Luciano Bivar (União Brasil), Felipe D’Ávila (Novo), Eymael (DC), Pablo Marçal (Pros), General Santos Cruz (Podemos), Leonardo Péricles (UP), Sofia Manzano (PCB) e Vera Lúcia (PSTU).

Segundo os números do Datafolha, se a eleição fosse hoje Lula venceria no 1º Turno.

Pesquisa estimulada de intenções de voto no 1º turno

*Cenário sem João Doria

  • Lula (PT): 48%
  • Jair Bolsonaro (PL): 27%
  • Ciro Gomes (PDT): 7%
  • André Janones (Avante): 2%
  • Simone Tebet (MDB): 2%
  • Pablo Marçal (Pros): 1%
  • Vera Lúcia (PSTU): 1%
  • Em branco/nulo/nenhum: 7%
  • Não sabe: 4%

Felipe d’Avila (Novo), Sofia Manzano (PCB), Leonardo Péricles (UP), Eymael (DC), Luciano Bivar (UB) e General Santos Cruz (Podemos) não pontuaram.

A pesquisa ouviu 2.556 pessoas entre os dias 25 e 26 de maio em 181 cidades brasileiras. A margem de erro é de dois pontos para mais ou para menos.

A pesquisa estimulada não pode ser comparada com o levantamento anterior, de 22 e 23 de março, porque adota cenários diferentes. Naquele levantamento, Lula registrou 43% das intenções de voto, enquanto Bolsonaro tinha 26%.

G1